sábado, 18 de maio de 2013

Hoje é isso

Parei pra pensar, sonhar mais um sonho
manter-me acordado com os pés no chão .
Entendo minha frustração, queria mais, não queria parar.

As noites sem dormir, são eternas
na mente mil coisas se misturam, tiro ao alvo, por um cego.
na mira da fulminante humanidade.

Escrevendo enquanto posso por entrelinhas entre paginas.
o tempo relativo se revela absoluto.

Nádegas dormentes, sono à beira.
queria ter um controle, mais preciso, sobre o tempo.
parar quando cansado, pular quando entediado,
Se pudesse o faria, notaria o notável.

Enquanto puder, ficarei aqui, parado à espreita
escrevendo ao léu, apenas testando misturando palavras, as vezes com sentido, as vezes sentido algum.
Essa é a essência, colocar o nada tão perto e tão longe do tudo.
essa é a vida.

Um comentário:

  1. Meu Deus vc deveria ser escritor, o mundo precisa te conhecer! !!

    ResponderExcluir